Crescimento

Saiba como a Consultoria Tributária ajuda a reduzir gargalos de custos

Escrito por Grupo Fatos

Uma consultoria tributária pode ajudar a reduzir bastante os gargalos de custos em um negócio. Esse tipo de serviço é uma ferramenta essencial para uma empresa que deseja gerir suas questões fiscais de modo a se manter em dia com a Lei, além de eliminar os prejuízos causados pela má administração tributária.

Neste post, vamos te mostrar os principais benefícios de uma consultoria tributária e como ela pode ser uma poderosa estratégia para prevenir de gastos desnecessários para o seu negócio. Confira!

Redução de gargalos tributários

A legislação tributária brasileira, além de bastante complexa, sofre mutações com uma frequência assustadora. Se você analisar as questões fiscais existentes há 5 anos, verá que, atualmente, foram alterados incontáveis critérios — como a mudança de alíquotas e inclusão de novas obrigações acessórias. E certamente teremos mais mudanças com o passar do tempo.

Assim, torna-se praticamente impossível para um gestor, além de dominar a administração do negócio, conhecer todas as mutações que a legislação tributária sofre, tornando essencial a presença de uma consultoria tributária para administrar essas questões fiscais.

O consultor vai orientar o empresário sobre os tributos que ele realmente deve pagar ao fisco, bem como identificar os impostos pagos indevidamente, reduzindo a sua carga tributária.

Existem muitas empresas — que, certamente, não contam com uma consultoria tributária — que acabam pagando impostos desnecessários ou com valores superiores ao que realmente seria devido. Isso é muito comum em negócios que erram na hora de selecionar o regime tributário para o exercício anual.

Uma empresa que opta pelo lucro presumido, mas tem uma despesa muito alta, certamente pagará um valor maior de Imposto de Renda (IRPJ) e Contribuição Social Sobre o Lucro Líquido (CSLL). Nesse caso, a consultoria tributária agiria selecionando o regime do lucro real, diminuindo consideravelmente os custos desses dois impostos.

Além de guiar os gestores de modo a prevenir deslizes cometidos na apuração dos tributos, a consultoria tributária garante que a empresa contribuirá corretamente com todos os impostos destinados a ela.

Auxílio na mudança tributárias da empresa

Mencionamos no item anterior que muitos gestores não sabem selecionar o regime tributário em que suas empresas atuarão em um exercício anual. Por conta disso, acabam pagando mais impostos do que realmente seria devido. A consultoria tributária atuará indicando a melhor opção para um gestor ou administrador de empresas implantar em seu negócio.

O consultor está preparado para realizar uma análise aprofundada da empresa e verificar quais são as soluções para os possíveis problemas fiscais e contábeis da organização, bem como auxiliar na tomada de decisões sobre mudanças no regime de tributação.

Portanto, é fundamental que você, enquanto gestor, esteja disposto a aplicar as recomendações da consultoria tributária em sua empresa.

Melhoria na geração de informações tributárias

O setor fiscal de uma empresa é responsável por uma série de informações que são encaminhadas ao setor financeiro e contábil de um negócio. Alguns especialistas dizem que esse departamento é o início e o fim de todas as operações de uma empresa, uma vez que é ele que recebe os documentos fiscais de entrada e emite as notas de saídas.

Sendo assim, é importantíssimo que você dê a devida atenção a esse departamento e, nesse contexto, a consultoria tributária também será requisitada. Ela pode auxiliar criando procedimentos para melhorar os processos de geração de informações fiscais, possibilitando maior controle sobre as compras e vendas realizadas.

Assim, você poderá encontrar possíveis gargalos de custos nas operações de entradas e saídas de produtos ou serviços.

Cumprimento de obrigações fiscais acessórias

Além de serem obrigadas a pagar os impostos devidos, uma empresa também possui uma série de obrigações tributárias acessórias. Elas tratam basicamente da obrigatoriedade de transmitir aos órgãos de fiscalização, responsáveis pelo controle tributário, todas as informações fiscais que deram origem ao imposto, bem como o seu pagamento.

Algumas dessas obrigações são:

  • Escrituração Fiscal Digital (EFD): dividida em duas, uma para informar sobre a apuração do Programa de Integração Social (PIS) e Contribuição para o Financiamento Social (COFINS) e a outra para informar os dados referentes ao Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) e Imposto sobre a Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS). Ambas são transmitidas através do temido Sistema Público de Escrituração Digital (SPED).

  • Declaração de Débitos e Créditos Tributários (DCTF): essencial para informar o pagamento do PIS, COFINS, CSLL e IRPJ.

  • Sistema Integrado de Informações sobre Operações Interestaduais com Mercadorias e Serviços (SINTEGRA): utilizado por empresas inscritas no regime do Simples Nacional para informar as questões fiscais que envolvem a apuração do ICMS.

Além dessas, existem outras obrigações tributárias acessórias exclusivas para cada estado ou município brasileiro. Essas declarações são documentos de extrema complexidade técnica e um simples erro no preenchimento pode gerar sérios problemas para empresa, tais como o pagamento de multas e autuações fiscais.

Além disso, se alguma obrigação acessória não for cumprida, o órgão responsável pela recepção pode aplicar multas que costumam ser bem elevadas, prejudicando a gestão financeira da empresa e bloqueando certidões negativas.

Você pode contar com o auxílio de uma consultoria tributária para prevenir erros no cumprimento de obrigações tributárias acessórias. Ela poderá orientar e analisar o arquivo da declaração antes de realizar a transmissão, garantindo a veracidade e confiabilidade das informações encaminhadas aos órgãos de arrecadação e fiscalização tributária.

Mais tempo para dedicar-se à empresa

Por fim, o último benefício que uma consultoria tributária pode proporcionar ao seu negócio é a possibilidade de se dedicar exclusivamente à gestão da sua empresa sem se preocupar tanto com as questões tributárias envolvidas.

O consultor está sempre de olho na legislação e, quando houver uma alteração, ele estará preparado para orientar sobre a melhor maneira para cumprir a Lei sem prejudicar as operações da empresa.

Você, enquanto gestor, poderá aproveitar o seu tempo para estudar sobre o seu negócio, encontrar melhores fornecedores, pagamento de despesas, gestão de pessoal e demais tarefas inerentes às atividades da sua empresa, tendo a certeza de que as questões tributárias estarão nas mãos de profissionais altamente qualificados e extremamente competentes.

Os benefícios da consultoria tributária são muitos e esse serviço deve ser encarado como um investimento em sua empresa, que, além de proporcionar mais tempo para se dedicar ao negócio, fará com que você cumpra com todas as obrigações fiscais exigidas.

E se você gostou do nosso post de hoje e quer aprender mais sobre como gerir o seu negócio, baixe agora mesmo o nosso e-book  Planejamento financeiro para PMEs!

Sobre o autor

Grupo Fatos

Com mais de 25 anos de mercado e um atendimento de excelência, nos tornamos um Centro de Apoio ao Empreendedor, estruturado em unidades de negócios de diferentes áreas (Contabilidade, Consultoria, TI, Financeiro e RH), com soluções corporativas que permitem potencializar o futuro de nossos clientes.

Deixar comentário.

Share This