Crescimento

Consultoria contábil: saiba por que o barato muitas vezes pode sair mais caro

Escrito por Grupo Fatos

Você certamente deve conhecer a frase: “o barato sai caro”. Esse dito popular pode ser aplicado em diversas áreas da vida, principalmente no âmbito empresarial, quando falamos de consultoria contábil.

Infelizmente, alguns gestores veem os serviços prestados por consultores dessa área como uma despesa e preferem economizar, contratando serviços baratos. Esse pensamento não é o ideal.

Afinal, além de trabalhar para evitar sanções e o pagamento de multas, o consultor também assegura o cumprimento de obrigações diversas — suas funções em uma empresa ultrapassam os limites das determinações fiscais e são de extrema importância para o bom funcionamento da organização.

Nesse contexto, um serviço de consultoria contábil prestado de forma incorreta pode acarretar graves danos à estrutura financeira e patrimonial de um negócio. Nosso objetivo com esse artigo é mostrar que contratar um serviço de consultoria contábil “barato” pode sair muito caro para a sua empresa!

Confira!

Veja o que é uma consultoria

De modo geral, consultoria é um serviço prestado por profissionais ou empresas qualificadas em determinada área ou função. O papel da consultoria em uma organização é identificar possíveis falhas e gargalos em processos administrativos e produtivos ou verificar necessidades gerais da empresa.

Ela também serve como um canal eficiente para solucionar dúvidas de gestores e colaboradores. Além disso, o consultor pode auxiliar na organização de alguns setores na empresa, além de poder assumir, em regime de terceirização, alguns trabalhos que não têm vínculo com sua atividade-fim — um exemplo é a consultoria contábil.

Entenda o que é a consultoria contábil

Entendido o conceito de consultoria, fica simples trazer isso para a área da contabilidade.

Consultoria contábil é um serviço prestado por pessoas físicas ou jurídicas que tem como objetivo analisar e diagnosticar possíveis falhas em processos contábeis tais como controle patrimonial, controle de contas do ativo e passivo e análise de demonstrações diversas.

De posse das informações contábeis, a consultoria poderá fornecer informações importantes e auxiliar os gestores no processo de tomada de decisão. Além disso, é muito comum que a consultoria contábil também seja a responsável pela contabilidade geral da empresa — muitas costumam terceirizar essa função.

O objetivo da consultoria contábil é promover melhorias que agregam valor aos produtos vendidos ou serviços prestados, proporcionando uma maior eficiência na gestão do negócio.

Além disso, ela auxilia no estudo de viabilidade de novos projetos, nas análises e no planejamento tributário, visando à redução na carga de impostos e de responsabilidades fiscais que recaem sobre uma empresa. Obviamente, tudo dentro dos preceitos legais e das normas de ética e conduta aplicadas à profissão contábil.

Saiba por que economizar nisso pode ser prejudicial

Muitos gestores e administradores de empresas estão sempre em busca do melhor serviço pelo menor preço possível. Essa prática até pode ser adotada livremente em outras áreas dentro de uma organização — no entanto, quando tratamos de consultoria contábil, não é recomendado buscar o mais barato.

A consultoria contábil trata de pontos muito delicados de uma empresa. Um erro na apuração de um tributo, por exemplo, pode acarretar, além do recolhimento da diferença, uma série de outras sanções que atrapalham o perfeito andamento da empresa e multas que comprometem seus recursos financeiros.

Outro fator muito comum é o esquecimento do cumprimento de obrigações acessórias. Existem declarações que, se não forem enviadas no prazo estipulado, geram multas altíssimas para a empresa. Essas multas costumam ser mensais ou pela fração do mês.

Isso implica dizer que, caso a obrigação seja cumprida com 5 meses de atraso, o valor da multa será multiplicado pela mesma quantidade de meses.

Além disso, outras falhas cometidas por consultores despreparados ou descompromissados com o sucesso do seu negócio podem acarretar atrasos em processos importantes para a empresa. Veja, no próximo tópico, outro erro que esses profissionais recorrentemente cometem no exercício irregular dessa atividade.

Confira um exemplo de erro cometido por consultores inexperientes

Suponhamos que você necessite de um demonstrativo tributário para incluir em um plano de viabilidade visando a um financiamento importante para adquirir um equipamento para a sua empresa.

Caso seu consultor contábil não seja conhecedor dos tributos que envolvem o seu negócio, duas coisas podem acontecer: ele poderá informar dados incorretos, e posteriormente, seu investimento começará a perder a eficiência; ou ele simplesmente não atenderá sua solicitação em tempo hábil.

Esses são erros comuns entre profissionais inexperientes que se intitulam consultores contábeis e cobram valores irrisórios por seus serviços. Nesse exemplo, o preço da consultoria contábil foi consideravelmente maior, levando em conta que os erros costumam custar caro para a empresa.

Entenda por que contratar uma consultoria contábil de qualidade

Para contratar uma consultoria contábil de qualidade, você deverá analisar três requisitos essenciais. É importante verificar a presença de todos eles antes de contratar o profissional ou empresa.

Primeiramente, analise se o consultor possui formação em nível superior no curso de Ciências Contábeis, bem como registro no Conselho Regional de Contabilidade (CRC) do estado em que desenvolve suas atividades.

Também é recomendável que o profissional tenha outros cursos de especialização em áreas afins ou correlatas com a atividade do seu negócio — no entanto, isso não é um impedimento para contratação, desde que ele atenda aos outros dois requisitos.

Verifique se o consultor possui experiências em sua área de atuação. Essa dica é muito importante, pois cada tipo de atividade possui várias particularidades. Uma empresa de construção civil possui diversas questões que, em sua maioria, são diferentes de uma empresa que explora a distribuição de bebidas, por exemplo.

É importante que o profissional escolhido tenha experiência na sua atividade ou em áreas correlatas. Por último, verifique a reputação do profissional ou da empresa que pretende contratar. Peça referências de clientes e entre em contato para buscar informações sobre a qualidade dos serviços prestados.

Se o consultor que você pretende contratar preenche esses critérios, feche o negócio mesmo que o preço cobrado seja consideravelmente maior que outros — você verá que o esforço vale a pena.

Trabalhos bem executados deixam marcas e, geralmente, empresas satisfeitas voltam a contratar aquele profissional, mesmo que o valor seja elevado.

Com essas dicas você já deve ter entendido a importância de contratar uma consultoria contábil verdadeiramente eficiente sem se preocupar tanto com o preço, certo? O importante é exigir a qualidade na prestação dos serviços. Compartilhe este artigo em suas redes sociais para que mais pessoas possam ter acesso a essas informações!

Sobre o autor

Grupo Fatos

Com mais de 20 anos de mercado e um atendimento de excelência, nos tornamos um Centro de Apoio ao Empreendedor, estruturado em unidades de negócios de diferentes áreas (Contabilidade, Consultoria, TI, Financeiro e RH), com soluções corporativas que permitem potencializar o futuro de nossos clientes.

Deixar comentário.

Share This