Recursos Humanos

6 vantagens de contratar um sistema de RH

Escrito por Grupo Fatos

Vivemos em um tempo de constante avanço tecnológico em todos os aspectos e setores. Essa modernização visa facilitar nossa rotina e tornar o trabalho mais eficiente. Na área de recursos humanos não é diferente e, atualmente, é possível encontrar softwares concebidos para padronizar processos e automatizar tarefas que antes demandavam muito tempo, por meio do que pode ser chamado de sistema de RH.

A tecnologia tem se tornado uma grande aliada na gestão de pessoas, permitindo que os profissionais responsáveis consigam acompanhar o ritmo acelerado do mercado, mantendo-se atualizados e gerando resultados com eficiência e agilidade.

O que é um sistema de RH?

Um sistema de RH é um software de gestão de pessoas que serve para auxiliar a equipe de recursos humanos a controlar os processos de sua área e realizar outras atividades que dizem respeito ao gerenciamento do capital humano, tais como:

  • Gestão de metas;
  • Organogramas;
  • Planos de carreira;
  • Avaliações de desempenho;
  • Cargos e salários;
  • Treinamentos e desenvolvimento.

Além disso, um sistema de RH promove mais agilidade e eficiência nas demandas internas e fornece, aos gestores, mais informações acerca de seus colaboradores.

Quais as vantagens de contratar um sistema de RH?

Conheça as 6 principais vantagens desse tipo de sistema:

1. Alinhamento de metas

Um dos primeiros passos na gestão de pessoas é o estabelecimento de metas e grande parte das equipes de RH convive com essa realidade. Entretanto, em muitos casos, depois de estabelecidas, as metas acabam não tendo o acompanhamento ideal.

Metas e indicadores precisam ser medidos, para que se possa traçar as ações necessárias ao seu cumprimento, corrigindo o que não está no caminho certo e permitindo buscar novos meios de alcançar os resultados determinados.

O sistema de RH, além de prover recursos para medição e acompanhamento dessas metas, permite a divulgação entre os colaboradores envolvidos, fazendo com que eles:

  • Entendam as expectativas da empresa a seu respeito;
  • Compreendam a razão da determinação de cada objetivo;
  • Sintam-se parte dos resultados, aumentando seu engajamento e sensação de pertencimento;
  • Trabalhem em conjunto para o alcance de todos os desafios.

2. Agilidade de processos

Um dos maiores desejos dos gestores, na atualidade, é conseguir transformar sua equipe de RH em business partners — consultores internos de RH, parceiros estratégicos que aconselham os executivos sobre os temas referentes aos negócios e pessoas da organização. Entretanto, infelizmente, os profissionais da área ainda gastam a maior parte do seu tempo administrando os processos burocráticos da empresa e se mantêm alheios ao todo, preocupando-se mais com suas atividades diretas.

Com um sistema de RH, é possível evitar o gasto excessivo de tempo em tarefas repetitivas, como a busca por informações em arquivos e fichas de registro de empregado ou o preenchimento de inúmeros formulários.

Além de agilidade, o software concede mais transparência às ações e políticas de recursos humanos.

3. Análises em tempo real

Para algumas tomadas de decisão, o gestor precisa consultar diversas informações e analisar tendências em toda a organização, o que acaba sendo transferido para o profissional de RH. Isso acontece, por exemplo, quando é preciso analisar se:

  • Os requisitos de contratação de um funcionário estão sendo atendidos;
  • Há oportunidades de desenvolvimento para determinado colaborador;
  • Existe a necessidade de treinamentos.

Com um sistema de RH, o gestor tem acesso às informações que precisa e deixa de agir embasado em suposições.

Pode-se dizer, por isso, que o software de gestão de pessoas serve para aproximar a liderança aos processos de análise, o que gera autonomia e, consequentemente, maior produtividade.

4. Colaboração

Uma das grandes vantagens do sistema de RH é a possibilidade de integração dos colaboradores, que podem ter acesso a dados importantes, como:

  • A descrição de seu cargo;
  • As metas estabelecidas;
  • Suas avaliações e feedbacks.

Além disso, um colaborador pode atualizar sua própria ficha individual, atualizando as informações de currículo que possuem relevância para a empresa, como novos certificados, cursos de idiomas ou especializações, além de novas habilidades e competências.

O maior benefício dessa colaboração interna na organização é a redução da possibilidade de erros nas informações, graças à automação dos processos. Há, ainda, a oportunidade de eliminar planilhas manuais e pilhas de papéis e documentos arquivados devido à relevância de seus dados.

5. Melhor processo de avaliações e feedbacks

Com um sistema de RH, é possível promover uma entrega de avaliações padronizada e colocar em prática um feedback 360º, que consiste em avaliações simultâneas de fontes variadas, como clientes internos e externos, colegas, superiores e subordinados.

Dessa forma, é possível centralizar as informações relevantes acerca do desempenho de cada colaborador e permitir que os gestores tenham acesso ao histórico, com análises detalhadas sobre seus funcionários.

6. Identificação de talentos

Toda empresa quer conhecer quem são os talentos que fazem parte do seu time; seja para retê-los, seja para oferecer possibilidades de crescimento. Escolher as pessoas que vão ocupar determinados cargos não é uma tarefa fácil, por isso — tanto na hora da seleção e recrutamento quanto no momento das promoções — é importante conhecer, ao máximo, as habilidades e competências dos profissionais envolvidos.

Um software de gestão de pessoas facilita a identificação dessas competências e do desempenho dos colaboradores, por meio de sua trajetória na empresa, oferecendo informações acerca de sua capacidade de liderança e de seus conhecimentos específicos.

É importante ressaltar que, antes de contratar um sistema de RH, cabe analisar:

  • Sua abrangência, custo e facilidade de uso;
  • A postura do fornecedor do software quanto à rapidez na resolução de problemas e qualidade do suporte quanto às dúvidas do usuário;
  • A existência de atualizações contínuas do serviço, para acompanhar o mercado.

Outra característica que deve ser observada na hora de escolher um sistema de RH é se ele possui uma interface prática e intuitiva e se oferece uma experiência agradável ao usuário, dispondo de uma apresentação simples e intuitiva, que favoreça seu uso contínuo.

Você já faz uso de um sistema de RH em sua empresa? Tem algo a acrescentar sobre o assunto? Compartilhe conosco no espaço para comentários!

Sobre o autor

Grupo Fatos

Com mais de 20 anos de mercado e um atendimento de excelência, nos tornamos um Centro de Apoio ao Empreendedor, estruturado em unidades de negócios de diferentes áreas (Contabilidade, Consultoria, TI, Financeiro e RH), com soluções corporativas que permitem potencializar o futuro de nossos clientes.

Deixar comentário.

Share This