Marketing & Vendas

5 dicas importantes na hora de escolher o nome da empresa

Escrito por Grupo Fatos

O nome da empresa é, sem dúvidas, um dos elementos que mais impactam na popularização de seus produtos. No caso, um bom nome é aquele que consegue substituir o termo original do produto – mas isso só é atingido em casos raros.

Quer um exemplo? É provável que você vá ao supermercado comprar Bombril ao invés de palha de aço, ou então Cotonetes ao invés de hastes plásticas com algodão nas extremidades. Pois é, esses são nomes de marcas, e não dos produtos em si.

Neste conteúdo, vamos te ajudar a entender o poder do nome da sua empresa. Leia todo o material!

Quantos nomes uma empresa tem?

A primeira dúvida sobre os nomes diz respeito à quantidade de nomes de uma empresa. A maioria das pessoas acredita que existe apenas um nome para cada negócio, mas isso não é verdade.

Em resumo, cada empresa possui dois nomes: a Razão Social e o Nome Fantasia. Temos um conteúdo completo explicando a diferença entre ambos, mas, se você precisa de uma explicação rápida, aqui vai ela: o primeiro é usado em documentos importantes, no meio jurídico, enquanto o segundo é o nome de fachada do negócio.

Você só precisa se preocupar com o nome de fachada, pois é ele que será exposto em suas campanhas de marketing.

Por que escolher um bom nome é importante?

Como você deve ter percebido, o nome de seu negócio faz toda a diferença para o sucesso da empresa. Por isso ele precisa ser planejado com calma para não ter que ser alterado mais tarde.

Existem diversos argumentos que provam a importância dos nomes, e nesta seção separamos três. Confira:

Reconhecimento de marca

O reconhecimento de marca é um conceito complexo, estando relacionado com a facilidade de identificar sua marca por parte dos consumidores. Um exemplo clássico disso é a Coca-Cola: as cores vermelha e branca induzem o consumidor a pensar na marca e em seu produto principal, o refrigerante de cola.

Porém, as empresas que não têm o market share da Coca-Cola devem ao menos tentar associar sua marca com o produto oferecido, e o nome é uma parte fundamental desse processo.

Facilita a expansão do negócio

Um negócio só se expande quando consegue vender mais. Para vender mais, os consumidores precisam validar o produto e, em seguida, recomenda-lo a terceiros. Escolher o nome adequado para a empresa ajuda nessas duas etapas.

O nome precisa estar em conformidade com o público-alvo do negócio. Se o público não souber falar inglês, por exemplo, não é interessante investir em um nome derivado desse idioma. Ele será mais difícil de lembrar e com certeza será lido de forma incorreta pelos consumidores, podendo causar problemas na hora da indicação.

Posiciona sua empresa no mercado

Uma ótima forma de explicar o posicionamento de marca é pensar na prateleira de um supermercado, onde os seus produtos e os de seus concorrentes precisam competir entre si.

Na hora de escolher qual produto comprar, no caso de não haver uma marca em mente, o comprador vai preferir aquele que lhe traga mais confiança. Ou seja, se seu nome for mais impactante que os demais, a chance de o seu produto ser escolhido é maior, aumentando, naturalmente, seu posicionamento no mercado.

Como escolher um bom nome? Veja 5 dicas imperdíveis!

Agora que você sabe da importância de escolher o nome da sua empresa, vamos apresentar 5 dicas para você não errar na hora da escolha.

Entretanto, embora não esteja listado nas dicas, a paciência deve ser um dos elementos principais na hora da escolha. Você precisa esgotar todas as possibilidades de nome e escolher aquele que realmente se encaixa com o perfil de sua empresa.

Dito isso, vamos às dicas!

1. Fique atento quanto a sonoridade

A sonoridade é um detalhe técnico do nome, mas também é essencial para uma boa escolha. 

Algumas palavras, quando unidas, podem gerar cacofonia, que nada mais é que um som desagradável, quando a frase é pronunciada. Um exemplo disso é o famoso “Vi ela ontem”, que quando pronunciado fica “viela ontem”.

Além disso, você deve ter ainda mais atenção quando o mercado internacional é seu objetivo. Algumas palavras em Português do Brasil podem ser xingamentos em Português de Portugal ou Espanhol, por exemplo. O oposto também é importante!

2. Cuidado com o duplo sentido

O nome deve passar por uma revisão criteriosa para evitar duplo sentido de qualquer natureza, em especial envolvendo discriminação de etnia, raça ou gênero. Tome cuidado com as interpretações, pois é provável que sua marca entre em contato com milhões de pessoas todos os anos.

Quer um exemplo de gafe no mundo dos nomes? A Bombril usou por muitos anos o nome “Krespinha” para uma esponja de aço, e foi duramente criticada no Twitter. A hashtag “BombrilRacista” ficou entre as mais comentadas nessa plataforma, quando a notícia veio à tona.

3. Prefira nomes curtos

Se você parar para analisar todos os nomes de empresas famosas, verá que existe um padrão bastante interessante: todas elas usam nomes curtos e elegantes.

No caso, você deve limitar o nome de sua empresa a até 6 sílabas, quando pronunciado em Português.

A palavra “Facebook” é lida como “Fei-ce-bu-que”. Seguindo o mesmo raciocínio, “Cacau Show” fica “Ca-cau-Cho-u”; nem mesmo “Co-ca-co-la” ultrapassa as 6 sílabas.

Nomes curtos são mais fáceis de lembrar e pronunciar, por isso devem ser usados.

4. Use seus produtos como inspiração

Está sem inspiração para elaborar o nome de sua empresa? Aproveite os produtos oferecidos pelo negócio e elabore algo criativo.

Uma ideia é usar o nome de um dos elementos que compõem o produto ou que fazem parte do serviço prestado. Uma empresa de cloud computing, por exemplo, pode aproveitar as palavras “Cloud” ou “Nuvem” para compor seu nome.

5. Sempre seja original

Por fim, você pode consultar nomes de empresas de seu nicho em busca de inspiração, mas é importantíssimo criar algo original, principalmente para evitar confundir os consumidores.Prontinho, agora você sabe como escolher o nome da sua empresa. Aproveite para ler mais conteúdos como este em nosso blog!

Sobre o autor

Grupo Fatos

Com mais de 25 anos de mercado e um atendimento de excelência, nos tornamos um Centro de Apoio ao Empreendedor, estruturado em unidades de negócios de diferentes áreas (Contabilidade, Consultoria, TI, Financeiro e RH), com soluções corporativas que permitem potencializar o futuro de nossos clientes.

Deixar comentário.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Share This